Chapada das Mesas

Cachoeira e ceu azul

Localizada ao sul do Estado do Maranhão, no Vale do Tocantins, a Chapada das Mesas é um verdadeiro santuário ecológico. São incontáveis cachoeiras com grande volume de água durante todo o ano e formações rochosas que mais parecem gigantescas esculturas naturais.
As cachoeiras são a grande atração, pois não bastasse a beleza de suas formações, a limpidez de suas águas e os deliciosos poços para banhos, ainda possuem temperaturas muito agradáveis, que as tornam ainda mais convidativas.

Um paraíso para o lazer e a aventura. Uma das visões mais espetaculares que o Maranhão guarda é a Cachoeira da Pedra Caída, uma bela caminhada por entre a vegetação e pequenas quedas de água que termina em meio aos paredões rochosos, descortinando uma fantástica cachoeira de 50 metros de altura. Para amantes de esportes radicais, como o rapel, que começa a ser praticado na região, caminhadas ecológicas em trilhas através dos cerrados (vegetação típica da Chapada, equivalente às savanas africanas) e banhos em rios é indispensável.

– Encanto Azul
Uma pequena trilha por um cânion com mata fechada nos leva à esse lugar encantador: uma piscina natural de águas transparentes e azuis que brotam das rochas, com profundidade variada chegando a 6 m em determindados pontos e temperatura agradável o ano todo, ideal para flutuação e observação das várias espécies de peixinhos.

– Poço Azul
O reflexo da água explica seu nome. Sua piscina natural formada por águas cristalinas e azuis nos convidam para curtir mergulhos e muito relax.

– Santuário de Pedra Caída
Esculpido em meio ao cerrado maranhense, o Santuário é uma espécie de templo em formato piramidal formado pela ação da água sob o arenito friável há cerca de 60 milhões de anos, por onde cai a cachoeira da Pedra Caída de 46 metros de altura.

– Cachoeiras da Pedra Caída
Possui três quedas de água maiores, sendo que na Gruta do Amor a água despenca a uma altura de 46 metros em uma série de pequenos saltos, além de grande piscina de água corrente.

– Cachoeira de São Romão
Localizada no rio Farinha, um afluente do rio Tocantins. Um grande poço formado por seus 25 metros de queda é ideal para deliciosos banhos.

– Cachoeira da Prata
Conjunto de três quedas que caem em uma ampla área, formando mais um delicioso poço para banho. Revoadas de andorinhas (ao nascer e por-do-sol) tornam o cenário ainda mais encantador.

– Cachoeira de Santa Bárbara
Um dos maiores saltos da Chapada das Mesas com 76 metros de altura e um delicioso poço para banho de cor esverdeada.

– Portal da Chapada das Mesas
Um grande platô de 70 metros que possui em sua parte superior uma grande fenda de onde é possível apreciar um belíssimo visual da chapada e do Majestoso Morro do Chapéu de um lado e do outro os morros testemunhos erodidos durante milhares de anos pela ação do vento e das chuvas.

– Morro das Figuras
Uma formação rochosa com diversas inscrições rupestres recentemente descobertas por arqueólogos, que acreditam ser de autoria de índios craôs descendentes dos tupis-guaranis. As formações rochosas também abrigam diversas espécies de pássaros – não é raro topar com tucanos ou araras.

– Cachoeiras da Caverna e do Capelão
São quedas pequenas, em cenário que parece saído de um quadro impressionista, com muitas bromélias e orquídeas agarradas aos troncos úmidos na mata que cerca as cachoeiras.

– Cachoeiras do Itapecuru
São duas quedas dágua (18 m e 20 m) que formam uma enorme piscina natural com rochas que a circundam, praias e pequenas ilhas. Também há uma hidrelétrica da década de 40, desativada.

– Praia do Tocantins
Conhecida por todos que passam pela região sul do Maranhão, o local é bastante cheio. Apesar de serem mais conhecidas como as praias de Carolina, elas aparecem do lado do Estado de Tocantins, na cidade de Filadélfia. As praias começam a aparecer quando o rio baixa, a partir do mês de junho e só desaparecem no final do mês de agosto.

– Passagem Funda
Caverna onde vive numerosa população de morcegos.

A Chapada é encantadora o ano todo, porém sua paisagem varia de acordo com as estações.

Entre os meses de dezembro e abril, período das chuvas, as cachoeiras ficam com um volume de água ainda maior. Contudo, não se vê o tom turquesa do Poço Azul que é impressionante no período entre os meses de junho e outubro, quando o Poço fica no auge de sua beleza.

Se você procura um lugar sossegado, evite o mês de julho, quando as praias fluviais do Tocantins aparecem e são invadidas por turistas da região.

Documentação

Brasileiros
– passaporte (válido até o término da viagem)
– RG (Carteira de Identidade Civil emitida pela Secretaria de Segurança Pública dos Estados), CREA, CRM, OAB, Carteira de Habilitação, Carteira de Identidade Militar, entre outros documentos de identidade civil válidos em território nacional, desde que o mesmo esteja em bom estado de conservação.

Estrangeiros
– passaporte válido (mínimo de 6 meses) ou RNE válido (Registro Nacional de Estrangeiros).
Estrangeiros não residentes no Brasil deverão embarcar com passaporte válido (mínimo de 6 meses) e tarjeta de entrada no Brasil carimbada pela imigração do aeroporto. Quanto à necessidade de visto, o hóspede deve procurar diretamente o Consulado brasileiro no seu país de origem.
Não será permitido o embarque com cópia de documentos, mesmo que autenticados.

Vacinas
– É recomendável tomar a vacina contra Febre amarela (tomar 10 dias antes da viagem)

Destaques

Argentina: De Buenos Aires à Patagônia

Buenos Aires, Ushuaia, El Calafate, El Chalten, Península Valdez, Mendoza e muito mais.. roteiros personalizados de acordo com perfil do viajante!

Jalapão Reveillon 2022

Conheça as águas do Jalapão, incríveis cachoeiras opte por um Reveillon diferente!

Carnaval Costa Rica – 2022

Experiência de Viagem à Costa Rica no Carnaval 2022, flora exuberante e natureza plena!

Serra do Cipó Light – Rios, Cachoeiras e Sítios Arqueológicos

Santuário de biodiversidade Serra do Cipó, localizada na Serra do Espinhaço a 100km de Belo Horizonte, vem com a gente!

Rota das Emoções – Lençóis Maranhenses, Delta e Jericoacoara

Impressionante viagem por uma das mais singulares regiões do globo, a Rota das Emoções – Jeri, Delta e Lençóis.

Traduções »