Botswana

elefantes

A República de Botswana é um país sem litoral da África Austral, cercado pela África do Sul, Zimbabwe e Namíbia. É um dos países mais prósperos da África, onde a economia é alimentada por seu turismo forte e de mineração de diamantes em larga escala.

O país convida a desfrutar de zonas úmidas verdes, ilhas de floresta, estreitamento em leitos de rios e um córrego do rio perdido nas areias do deserto do Kalahari. Curiosamente, mais de 17% do território é dedicado a parques nacionais ou game reserves que totalizam mais de 100.000 km. É sem dúvida um dos lugares na África mais fascinantes para fazer um safári.

O país possui diversas áreas de habitat dos animais selvagens. Os principais destinos para o turismo de safári são o Moremi Game Reserve no Delta do Okavango, e o Chobe National Park.

O Delta do Okavango tem muitas populações de animais diferentes, como crocodilos, elefantes, hipopótamos, girafas, leões, leopardos, hienas, antílopes, rinocerontes, búfalos, e os cães selvagens ameaçados de extinção, bem como outros mamíferos comuns e centenas de espécies de aves.

O Parque Nacional de Makgadikgadi é outro local imperdível. A Organização Pan-Makgadikgadi é o maior complexo salar do mundo, onde existe uma extensa rede de salinas e lagos efêmeros.

– Delta do Okavango
Habitat de inúmeras espécies animais como elefantes, girafas e hipopótamos, é terreno fértil para safáris e passeios pelos braços do Delta, quase sempre a partir de Maun, a “porta de entrada no delta do Okavango”.

– Reserva Natural Mokolodi
Mokolodi é uma reserva privada que se dedica à preservação da vida selvagem e educação ambiental. Foram introduzidas muitas espécies de animais selvagens no parque, incluindo o rinoceronte branco, chita, girafa, zebra, antílope e uma manada de elefantes criados. Esta variedade de vida selvagem se juntou como o kudu, impala, hiena e leopardo que já viviam na área, tornando o parque um ecossistema rico e variado. Para os mais aventureiros Mokolodi também oferece a oportunidade de acompanhar o rinoceronte branco em risco. Com tão poucas dessas criaturas majestosas esquerda, Mokolodi é um dos únicos lugares no mundo onde se tem a chance de controlar esses animais impressionantes em seu próprio ambiente, e é certamente uma experiência inesquecível.

– Manyelanong Game Reserve
Nos penhascos da serra, o minúsculo Manyelanong Game Reserve protege uma colônia de abutres do Cabo, uma espécie ameaçada e totalmente protegida sob as leis do Botswana.

– Pinturas rupestres de Manyana
Essas pinturas rupestres estão localizadas em uma área na base do Morro Kolobeng perto da aldeia de Manayana. Há desenhos de de rinoceronte, órix, antílope e um grupo de três girafas, bem como formas humanas e geométricas. As pinturas são em tons de vermelho, laranja, marrom e preto.

– Pinturas Rupestres de Motlhabaneng
As pinturas retratam figuras de animais selvagens e humanos pelos primeiros colonos. Os moradores foram incentivados a se aventurar nos domínios do turismo e servem como guias turísticos para o turista visitar.

– Khama Rhino Sanctuary
O santuário está situado 25 km ao norte de Serowe. Durante a década de 1980, devido à caça indiscriminada, rinocerontes foram feitas quase extinta no Botswana. Em 1992, foi criado um parque para proteger os rinocerontes remanescentes e para restabelecer as populações de rinocerontes brancos e pretos na área.

– Mashatu Game Reserve
É a maior reserva particular na África Austral, e possui a maior população de elefantes (quase 900) em terrenos privados do mundo. Este belo santuário abriga sete dos fenômenos gigantes de África – o rio Limpopo, o Elefante Africano, o baobá, o elã, a avestruz, a abetarda Kori e do céu infinito Africano.

– Nata Santuário de Aves
Este santuário foi criado no início de 1990 na orla extremo nordeste do Sowa Pan. As espécies de mamíferos são restritas a antílope – bubalinas, kudu, chacais, raposas, macacos e esquilos. No entanto, a maioria dos animais selvagens tem asas e cerca de 165 espécies de aves foram registrados. É um paraíso para aves aquáticas de toda a África: marrecos, patos, gansos, pelicanos, colhereiros e flamingos. É uma importante área de reprodução de flamingos e pelicanos.

– Chobe National Park
É o segundo maior parque nacional do Botswana. O parque é dividido em quatro ecossistemas distintas: Serondela com suas planícies verdejantes e florestas densas na área do rio Chobe, no extremo nordeste, a Marsh Savuti no oeste cerca de cinqüenta quilômetros ao norte da porta Mababe; Pântanos Linyanti na noroeste e do interior quente e seco no meio. Uma característica importante do Parque Nacional de Chobe é sua população de elefantes. Primeiro de tudo, o elefante Chobe compõem parte do que é provavelmente a maior população de elefantes sobreviventes contínua.

– Moremi Game Reserve
Moremi é mais descrita como uma das mais belas reservas de vida selvagem na África. Ele combina floresta mopane e acácias florestas, várzeas e lagoas. É a grande diversidade de vida vegetal e animal que faz Moremi muito conhecida.

– Grutas de Gchwihaba (Drotskys)
Estas belas grutas são um labirinto de passagens que levam a formações rochosas bizarras, escorrimentos de várias cores bonitas e sutis, estalactites, entradas, corredores, aberturas e cachoeiras congeladas.

A melhor época para visitar Botsuana é entre os meses de abril e novembro, quando grande parte dos animais migra em direção ao Delta do Rio Okavango.

Novembro e dezembro – os meses de reprodução – são épocas excelentes para presenciar a auto-regeneração da natureza. A estação chuvosa, de Janeiro até Março, é a ideal para ver os centenas de espécies de pássaros voando em grande quantidade.

No mês de Março e Abril, milhares de zebras e outros animais migram em direção à área do Savuti do Parque Nacional Chobe.

O verão (principalmente de Dezembro até Fevereiro) pode se tornar extremamente quente e as chuvas podem fazer com que algumas estradas fiquem cheias de lama e intransitáveis.

Durante a estação chuvosa do verão, muitos animais em áreas de caça ficam dispersos, enquanto que nas estações secas de inverno, eles se reúnem em torno de nascentes de água, o que é melhor para caçar. Entretanto, isso não significa que a caça é impossível durante o verão.

BRASILEIROS: são aceitos somente Passaporte (validade mínima de 6 meses).

ESTRANGEIROS: é necessário RNE original e Passaporte. Importante verificar se o país de destino exige visto de seu país natal.

MENORES de 18 anos – autorização por autenticidade* de pai e mãe, com firma reconhecida em 3 vias (para menores viajando sem a presença do pai e da mãe, acompanhados por terceiros maiores e capazes). A mesma regra aplica quando acompanhados por apenas um dos pais, autorização por autenticidade* do genitor que não viajará.

* Firma reconhecida por autenticidade: significa que ambos os pais devem comparecer pessoalmente ao cartório para providenciarem o documento de autorização.
**O novo passaporte brasileiro (cor azul) não registra s filiação do viajante (não consta os nomes dos pais). Por isso, os menores de idade, viajando ou não acompanhados dos pais, além do passaporte válido, também deverão apresentar no check in, o RG ou Certidão de Nascimento original. Isso é necessário para confirmar a paternidade do menor.

Vacinas

– É obrigatória a apresentação do comprovante internacional de vacinação contra a Febre Amarela (tirada com no mínimo 10 dias antes do embarque).

– Devido a pandemia do Covid 19, é exigida a vacina para efeitos de viagens ao exterior. Consulte-nos para maior detalhamento das exigências.

Destaques

Argentina: De Buenos Aires à Patagônia

Buenos Aires, Ushuaia, El Calafate, El Chalten, Península Valdez, Mendoza e muito mais.. roteiros personalizados de acordo com perfil do viajante!

Jalapão Reveillon 2022

Conheça as águas do Jalapão, incríveis cachoeiras opte por um Reveillon diferente!

Carnaval Costa Rica – 2022

Experiência de Viagem à Costa Rica no Carnaval 2022, flora exuberante e natureza plena!

Serra do Cipó Light – Rios, Cachoeiras e Sítios Arqueológicos

Santuário de biodiversidade Serra do Cipó, localizada na Serra do Espinhaço a 100km de Belo Horizonte, vem com a gente!

Rota das Emoções – Lençóis Maranhenses, Delta e Jericoacoara

Impressionante viagem por uma das mais singulares regiões do globo, a Rota das Emoções – Jeri, Delta e Lençóis.

Traduções »