Marrocos

Mar e Camelo

Localizado no norte da África, é um dos mais fascinantes destinos do mundo. Com uma rica arquitetura, tradições milenares e lindas paisagens, o Marrocos tem a vantagem de oferecer aventura, história e exotismo em um mesmo lugar.

É conhecido como a “A Terra do Sol Poente”, pois tem metade de seu território ocupado pelo deserto do Saara.

Marrocos é um país muito diversificado e tem de tudo um pouco, procure você viajar para ver paisagens, monumentos e cidades imperiais, desertos, praias, palmeirais, montanhas para ski, montanhas desérticas com dromedários e lagos.

As principais cidades históricas marroquinas são: Fez,Marrakech, Rabat e Meknés. Em todas se encontra traços que caracterizam a tradicional arquitetura urbana marroquina: uma medina (centro comercial e residencial), uma mesquita central, o palácio real, o mellah (bairro judeu) e os suqs (mercados), tudo cerrado por uma muralha que servia para fortificar a cidade.

Todas as cidades, curiosamente são definidas por uma cor básica de suas construções: Marrakech é a cidade vermelha, Meknés, a verde;Fez é amarela. Rabat, a cidade branca do litoral atlântico,é a única das cidades imperiais que conserva sua importância política: a capital do país.

– Casablanca
Esta moderna cidade costeira é o ponto de partida para os visitantes que chegam em Marrocos. Tem como atrativos a medina histórica e a moderna mesquita (a segunda maior do mundo), que merecem uma boa visita.

– Rabat
A capital do Marrocos é repleta de atrativos turísticos. Dentre seus principais estão: o bairro judeu no antigo mercado, o Mausoléu do Rei e a Torre Hassan, o Kasbah dos Oudaias, a Catedral de São Pedro, a incrível necrópole e complexo dos antigos romanos de Chellah.

– Ouarzazate
Considerada a Capital do Sul, este oásis mistura uma paisagem rochosa com rio e um imenso palmeiral. Em Ouarzazate pode-se visitar o Kasbah de Taourirt, o Museu do Cinema, O Kasbah das Cegonhas, o Lago Mansour Eddahbi, o bairro de Tassoumate e a beira rio, os estúdios de Cinema Atlas, e o imperdível mercado de Domingo.

– Marrakech
Marrakech é a combinação perfeita do velho e do novo Marrocos. A imensa confusão e o caos das ruas cheias de gente, músicos, lojas, burros e carroças, motas, carros, turistas, vendedores ambulantes, doidos, acrobatas, encantadores de serpentes atrai turistas do mundo todo. Suas principais atrações são: a grande Djemaa el-Fna, os jardins de Menara, o Museu de Marrakech, os Túmulos Saadian entre outros monumentos da cidade.

– Fez
A antiga capital de Marrocos é a cidade medieval mais bem preservada de todo o mundo árabe. Tem como principais atrativos a antiga Medina (Fes el Bali), a nova Medina (Fes el Jedid), a mesquita Karaouiyine, o bairro de Andaluzes, o Palácio Real, a Mesquita de Andaluzes, o Mellah (Bairro Judeu).

– Essaouira
Essaouira é uma surpreendentemente bem preservada antiga fortaleza na costa Atlântica marroquina. Tanto destino turístico cultural, histórico e de praia, Essaouira oferece ruas com uma arquitetura espetacular, alguns dos melhores restaurantes de Marrocos e um porto de pesca e mercado super agitados.

– Lagos de Imilchil nas Montanhas do Alto Atlas
Dois lagos chamados Isli e Tislit estão localizados a mais de 2100 metros de altitude, e proporcionam vistas surpreendentes durante o Verão e imagens de tirar o fôlego durante o Inverno. Imilchil é uma pequena aldeia de montanha, protegidas pela tribo Ait Hdiddou da Confederação berbere de Ait Yafelman.

– Merzouga e MHamid
Desde qualquer uma destas povoações nos limites do Sahara, pode-se viajar de camelo ou de jipe através do deserto e dormir uma noite entre as dunas e debaixo das estrelas.

– Dunas de Erg Chebbi
Surpreendentemente cor de laranja, esta linda parte do deserto do Saara de Marrocos é o lugar ideal para um para explorar o deserto, fazer um passeio de camelo, e observar os magníficos nascer e pôr do sol.

– Chefchaouen
O norte do Marrocos é muitas vezes esquecido pela maioria dos turistas. As Montanhas do Riff escondem muitos destinos surpreendentes entre eles a carismática e bonita cidade de Chefchaouen, pintada em azul turquesa, violeta e branco. Nesta cidade fica a única mesquita octogonal do mundo.

– Cisterna Manuelina da fortaleza de El Jadida
A cisterna manuelina da fortaleza de El Jadida é um dos lugares mais místicos de Marrocos. Apesar de ter sido construída durante a época portuguesa no século XVI e XVII, esta cisterna só foi descoberta em meados do século XX. A cidade de Mazagão, seu nome em português ou El Jadida, o seu nome em Árabe, faz parte do Patrimônio Mundial da UNESCO desde 2004.

– Ruínas Romanas de Volubilis
Volubilis era o centro administrativo da Província romana africana da Mauritânia Tingitana . Extremamente bem preservada, estas ruínas romanas situadas a norte de Meknes são fantásticas e merecem uma visita.

– Ksar de Maadid perto de Arfoud
Muito interessante e um dos maiores do sul de Marrocos é o ksar de Maadid, uma aldeia fortificada toda construída em barro preservando a arquitetura do sul de Marrocos e da região do Deserto do Saara.

– Ksar de Ait Ben Haddou
Patrimônio Mundial da UNESCO, é uma aldeia fortificada totalmente construída e preservada em barro. A paisagem circundante é maravilhosa e dá para ter uma idéia de o que é viver dentro de um autêntico ksar. A visita a Ait Ben Haddou é feita a partir de Ouarzazate.

A melhor época para se visitar Marrocos é de outubro a abril, quando as temperaturas são mais amenas, é quente durante o dia e frio à noite.

BRASILEIROS: Passaporte (validade mínima de 6 meses).

ESTRANGEIROS: é necessário RNE original e Passaporte. Importante verificar se o país de destino exige visto de seu país natal.

MENORES de 18 anos – autorização por autenticidade* de pai e mãe, com firma reconhecida em 3 vias (para menores viajando sem a presença do pai e da mãe, acompanhados por terceiros maiores e capazes). A mesma regra aplica quando acompanhados por apenas um dos pais, autorização por autenticidade* do genitor que não viajará.

* Firma reconhecida por autenticidade: significa que ambos os pais devem comparecer pessoalmente ao cartório para providenciarem o documento de autorização.
**O novo passaporte brasileiro (cor azul) não registra s filiação do viajante (não consta os nomes dos pais). Por isso, os menores de idade, viajando ou não acompanhados dos pais, além do passaporte válido, também deverão apresentar no check in, o RG ou Certidão de Nascimento original. Isso é necessário para confirmar a paternidade do menor.

Vacinas

– Devido a pandemia do Covid 19, é exigida a vacina para efeitos de viagens ao exterior. Consulte-nos para maior detalhamento das exigências.

 

Destaques

Argentina: De Buenos Aires à Patagônia

Buenos Aires, Ushuaia, El Calafate, El Chalten, Península Valdez, Mendoza e muito mais.. roteiros personalizados de acordo com perfil do viajante!

Jalapão Reveillon 2022

Conheça as águas do Jalapão, incríveis cachoeiras opte por um Reveillon diferente!

Carnaval Costa Rica – 2022

Experiência de Viagem à Costa Rica no Carnaval 2022, flora exuberante e natureza plena!

Serra do Cipó Light – Rios, Cachoeiras e Sítios Arqueológicos

Santuário de biodiversidade Serra do Cipó, localizada na Serra do Espinhaço a 100km de Belo Horizonte, vem com a gente!

Rota das Emoções – Lençóis Maranhenses, Delta e Jericoacoara

Impressionante viagem por uma das mais singulares regiões do globo, a Rota das Emoções – Jeri, Delta e Lençóis.

Traduções »